topo_chegar

Como Chegar a Gramado

Considerada uma das rotas mais apaixonantes do Brasil, as estradas que levam à Serra Gaúcha reservam paisagens deslumbrantes. Alguns trechos revelam cenários que parecem sair de filmes, tamanha a beleza dos lugares, ora margeados por hortênsias, ora pela mata verde de onde cantam os pássaros. Vale a pena fazer a viagem de carro, com direito a algumas paradas para apreciar e fotografar a natureza em estado de graça, portanto relaxe, alivie a pressão no acelerador e curta este passeio inesquecível.

De Caxias do Sul a Gramado, use a RS-235:

Caxias – Galópolis – Vila Cristina (pedágio) – Nova Petrópolis e Gramado (pedágio)

De Porto Alegre a Gramado, os dois caminhos mais comuns são: 1) por Gravataí – RS-020Através da Free-Way (BR-101), no município de Gravataí, pega a RS-020, que liga Porto Alegre a Taquara. A partir de Taquara deve-se pegar a RS-115 que passa pelas cidades de Igrejinha e Três Coroas. A RS-115 é uma estrada modelo, com uma condição de tráfego excelente, que apresenta um trecho curto de Serra entre Três Coroas e Gramado. Vale a pena diminuir a velocidade, curtir a brisa agradável da Serra e apreciar a bela paisagem.

2) passando por Novo Hamburgo – BR-116 * caminho indicado

* Preste atenção nas trocas de estrada, em Novo Hamburgo da BR116 para RS239 e em Taquara da RS239 para RS115. É a principal rota que faz o trajeto Porto Alegre/Gramado. Saindo de Porto Alegre, pela BR-290, entra-se à esquerda na BR-116, em direção a Canoas. Trafegando o tempo todo em pistas duplicadas, o turista faz uma viagem segura e rápida de Porto Alegre até Novo Hamburgo. Em Novo Hamburgo quando acaba a pista dupla da BR-116, toma-se a RS-239, que já está com a sua duplicação concluída. Nesta estrada há um pedágio para chegar a Taquara. Também há pardais nos quilômetros 15 e 27 (80 km/h) e no quilômetro 29 há mais dois (60 km/h), de onde se parte para Gramado, pela RS-115, subindo a Serra.

voce_sabia

A área onde hoje está situada Gramado servia de passagem para tropeiros que tocavam o gado pelos campos de cima da serra no final do século 19. Quando chegavam ao topo da Serra, tanto tropeiros quanto imigrantes, encontravam um pequeno campo de grama macia e verde que servia de repouso e revigorava suas forças. Este “gramado”, segundo alguns, foi o responsável pelo batismo da cidade.

anúncios_gramado2